Me leia

*um poema de definição

O poeta quando escreve
Desliza a caneta no papel
Como se fizessem amor
Como se ferissem à faca
Como que toca a ferida
Como o toque se o desejo aplaca

Quando o poeta quer
Ele se entrega
Numa pequena palavra colocada
IMENSO
E assim sutil ele ganha
.         IMERSO
Vai brincando com seus sentidos
.                  INTENSO
Vai deixando a voz atada
.                            INVERSO

Se encontrar um poeta
Se acanhe
O poder da palavra sua expressão viva
Não digas nada
Se apanhe
São de mistérios que ele se inspira

Anúncios

Deixe aqui um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s